Saúde da população LGBT

No UFPA Entrevista dessa semana, você vai conhecer a Política Nacional de Saúde Integral de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (LGBT). Instituída em 2011, é uma das chamadas políticas de saúde para promoção da equidade, que reconhecem que determinados segmentos da sociedade são mais vulneráveis e têm menor ou menos qualidade no acesso à saúde.

Para falar sobre a política para a Saúde da população LGBT, recebemos Edu Cavadinha, enfermeiro, doutor em Saúde Pública pela Universidade de São Paulo e professor da Universidade de Brasília (UnB). Edu veio a Belém para realizar oficinas com pessoas LGBT, para uma pesquisa coordenada pelo Núcleo de Estudos em Saúde Pública da UnB, que pretende avaliar a implementação da Política Nacional de Saúde Integral da População LGBT em várias cidades do país.

Durante o programa, Edu Cavadinha explica as fases de coleta de dados da pesquisa, que devem terminar ainda esse ano. Além das oficinas com pessoas LGBT, as atividades incluem entrevistas com gestores estaduais e municipais da saúde e profissionais da assistência, especificamente da atenção básica.

Apesar de serem dados preliminares, o pesquisador já adiantou que há grande desconhecimento sobre a política e que por isso ela não tem sido implementada com sucesso. Por outro lado, a simples realização das atividades da pesquisa tem dado visibilidade ao assunto, despertado interesse nos profissionais entrevistados e empoderado LGBTs sobre seus direitos em saúde.

Compatilhe !

Id:359