Belchior parte I

Nesta semana, o Memória Musical apresenta a primeira parte de um especial sobre a vida e a obra do cantor Belchior. Natural do Ceará, Antônio Carlos Gomes Belchior Fontenelle tinha uma família repleta de artistas que o influenciaram desde a juventude. A partir de 1965 começou a participar de festivais de música pelo Nordeste, e em 1971 venceu o IV Festival Universitário da MPB com a música “Na Hora do Almoço”.

Na década de 1970 se mudou para São Paulo, onde compôs trilhas e gravou seus primeiros compactos e LP’s. São dessa época sucessos como “Alucinação”, “A Palo Seco” e “Apenas um Rapaz Latino Americano”. Nesse período, Belchior foi reconhecido pela abordagem de questões sociais e pelo sentimentalismo de suas músicas.

Relembre a trajetória de Belchior no período de 1965 até 1984 neste primeiro programa especial sobre sua carreira. A apresentação é do jornalista Fabrício Queiroz e da estudante Mayara Loureiro.

Programa de número: 224