Engenheiros do futuro

“Engenheiros do Futuro” é o título do projeto de extensão em destaque esta semana no UFPA Comunidade.

Coordenado pelo professor Antônio Pereira Júnior, do Instituto de Tecnologia da UFPA, o projeto Engenheiros do Futuro é fruto de uma parceria com o Departamento Voluntárias Cisne Branco – Seccional Belém do Comando do 4º Distrito Naval de Belém.

A ação extensionista atende aos dependentes dos Militares da Marinha do Brasil e estudantes da Escola Estadual Almirante Guillobel, no bairro de Val de Cans, em Belém, e inclui atividades de pesquisa, raciocínio e trabalho em equipe por meio de oficinas de introdução à robótica.

O objetivo é despertar o interesse dos estudantes pelas áreas de ciência e tecnologia na escolha profissional e melhorar o desempenho escolar nas disciplinas relacionadas.

 “A nossa expectativa é de que isso tenha um efeito não apenas especifico no gosto pela tecnologia ou melhorar o desempenho acadêmico em matemática, nas disciplinas de física ou associadas. Ele vai ter um desempenho cognitivo também e isso vai fazer com que os alunos adquiram ferramentas para a vida acadêmica e também no geral”, destaca o professor Antônio Pereira.

Já o estudante Wictor Braga, bolsista do projeto, relata que a o primeiro passo foi mostrar para os estudantes que são capazes e é possível aprender robótica de uma maneira fácil e didática.  “A intenção é estimular áreas deles que estão em desenvolvimento, como o trabalho em equipe, a criatividade e também a competitividade, mas sem perder o companheirismo”, conta Wictor.

O mesmo sentimento é compartilhado pela diretora do Voluntárias Cisne Branco – Belém, Mara Teresa Silva. Para ela, o projeto Engenheiros do Futuro irá agregar muitos benefícios à família naval e será um incentivador para as crianças no futuro. “Como nos dias atuais a tecnologia vem sendo cada vez mais presente em nosso dia-dia, acreditamos que os conceitos básicos de robótica, engenharia e programação são extremamente enriquecedores” explica Mara Teresa Silva.

O Departamento Voluntárias Cisne Branco (VCB) pertence ao Abrigo do Marinheiro, organização civil sem fins lucrativos, que tem o propósito de contribuir para o bem-estar dos militares e servidores civis da Marinha do Brasil, por meio de atividades sociais.

Id:543