Prevenção das IST em escolas públicas de Belém

Conheça nesta edição do UFPA Comunidade o projeto Prevenção das Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) em escolas da rede pública da Região Metropolitana de Belém. Para isso, contamos com a presença da professora Lucimar Di Paula, coordenadora do projeto, do bolsista e aluno de biomedicina, Yohan Corrêa e da professora de biologia da escola estadual Paulino de Brito, Lorena Martins.

Iniciado em 2017, o projeto é uma realização do Instituto de Ciências Biológicas da UFPA, e surgiu a partir da análise de dados alarmantes: o aumento dos casos de ISTs, principalmente nos brasileiros mais jovens, devido a precocidade cada vez maior com que eles iniciam sua vida sexual e a falta de qualquer informação sobre cuidados e prevenções que eles podem e devem ter. “A preocupação do projeto é que todas essas ISTs são previníveis, são mais fáceis de serem prevenidas do que tratadas, então ele surgiu a partir disso”, destaca a professora Lucimar.

Um dos desafios que o projeto enfrenta é a falta de informações sobre o tema nas escolas, onde muitos alunos desconhecem as ISTs e as suas particularidades, e é justamente isso que os põe em risco. Esse foi um dos motivos que levou Yohan a participar do projeto, “quando eu também era aluno do ensino médio eu via a carência disso na escola, até nas aulas de biologia eles falavam pouco do assunto, então na faculdade, com a chance de trabalhar em um projeto de extensão que fala exatamente daquilo que eu vi carência no ensino médio, eu achei que seria uma boa oportunidade de levar para as pessoas aquilo que eu não tive como estudante”.

Outro desafio que vêm se tornando cada vez mais presente, tanto em projetos como este, quanto nas aulas regulares de biologia nos colégios, é a desinformação dos pais sobre o conteúdo tratado. “Tem alguns pais que pensam que a gente está ensinando o aluno a fazer o ato sexual, e na verdade não é. A gente está educando e ensinando eles a conhecerem o próprio corpo deles”, ressalta a professora Lorena.

Nesse programa você descobre também porque houve a mudança do termo DST para IST, o funcionamento do projeto e como entrar em contato para que sua escola seja atendida. Fique ligado e não perca essa edição do UFPA Comunidade.

Apresentação: Erlane Santos
Produção e roteiro: Thiago Vasconcellos
Gravação e montagem: João Nilo Ferreira e Karla Guimarães.
Supervisão e edição: Elissandra Batista e Fabrício Queiroz.

O UFPA Comunidade vai ao ar às sextas-feiras, às 10h e 21h.
Horários alternativos: Domingo, às 15h, e terça-feira, às 15h.

Compatilhe !

Id:5862