Belém+30: maior evento de sociobiodiversidade do Planeta está com inscrições abertas e taxas especiais.

“Um encontro de cultura!”. É assim que o Diretor do Instituto Amazônico de Agriculturas Familiares (INEAF/UFPA), professor Flávio Bezerra Barros, define o Belém +30, evento que será realizado entre 7 e 10 de agosto de 2018, em Belém do Pará, no Hangar – Centro de Convenções da Amazônia.

O Belém +30 reúne três eventos: o XVI Congresso da Sociedade Internacional de Etnobiologia, o XII Simpósio Brasileiro de Etnobiologia e Etnoecologia, e a I Feira Mundial de Sociobiodiversidade. Devem participar povos indígenas, comunidades agrícolas e tradicionais, pesquisadores e representantes de ONG’s do mundo inteiro. Países como Nepal, Índia, Guiné-Bissau, Canadá e muito outros já confirmaram presença.

Realizado pela primeira vez em 1988, o Congresso da Sociedade Internacional de Etnobiologia foi um marco para o reconhecimento da conexão entre povos e comunidades tradicionais com a preservação da diversidade cultural e biológica do mundo.

Em 2018, uma das novidades será a Feira Mundial da Sociobiodiversidade, onde a produção e o conhecimento desses povos terá lugar de destaque. E de acordo com professor Flávio Barros “não haverá espaço para produtos industrializados e fast-food. A feira será movimentada pelas comidas e produtos das comunidades tradicionais”.

Não é a primeira vez que Belém é palco do evento. Há três décadas, a capital paraense sediou o primeiro Congresso Internacional de Etnobiologia, onde foi criada a Declaração de Belém, um documento que norteia a noção de sociobiodiversidade, valorizando os saberes e direitos dos povos tradicionais sobre territórios e recursos naturais.

Para participar do evento, povos e comunidades tradicionais estão isentos da taxa de inscrição, desde que comprovem o pertencimento. Para os demais interessados, as inscrições com descontos especiais encerram no próximo dia 30 de abril. E até o dia 15 deste mês, ainda é possível inscrever trabalhos individuais. Tudo no site.

Nesta edição do UFPA Entrevista, o professor Flávio Bezerra Barros explica detalhes sobre a programação do evento que terá como tema central: “Belém + 30: Os direitos dos povos indígenas e populações tradicionais e o uso sustentável  da biodiversidade três décadas após da Declaração de Belém”.

No programa, você também fica por dentro das discussões que envolvem a Etnobiologia e a Etnoecologia, além da sociobiodiversidade na Amazônia, os impactos desses conceitos para a vida humana, os principais conflitos atuais, avanços e desafios relacionados ao tema.

Apresentação: Elissandra Batista
Produção e roteiro: Erlane Santos
Gravação e montagem: João Nilo Ferreira

O UFPA Entrevista vai ao ar na segunda-feira, às 15h.
Horários alternativos: Terça-feira, às 19h; quarta-feira, às 15h; e quinta-feira, às 19h.

Compatilhe !

Id:3823