pandemia em cidades locais

Pandemia em cidades locais: o caso de São Caetano de Odivelas

Nesta edição, o Universidade Multicampi traz como tema Pandemia em cidades locais na Amazônia Estuarina: o caso de São Caetano de Odivelas. O convidado é o professor Dr. José Guilherme dos Santos Fernandes, do campus da UFPA em Castanhal e do Núcleo Universitário de São Caetano de Odivelas.

Nosso convidado é o responsável pelo projeto “Pandemia em cidades locais na Amazônia Estuarina: Dados clínico-epidemiológicos para diretrizes socioeconômicas e culturais em São Caetano de Odivelas”, uma iniciativa do Co-Laboratório de Interculturalidades, Inclusão de Saberes e Inovação Social (COLINS), vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Estudos Antrópicos na Amazônia da UFPA.

No programa, o professor José Fernandes relata como se deu o desenvolvimento da pesquisa, realizada em diferentes etapas desde abril de 2020 no contexto da pandemia do COVID-19. Ele aponta a importância da ciência abordar as particularidades e os reflexos da pandemia em cidades locais, como as da região amazônica, observando as características desses lugares e suas realidades socioeconômicas e culturais para propor políticas públicas condizentes com esse contexto.

A cidade de São Caetano de Odivelas está localizada no nordeste paraense e tem a pesca como principal atividade econômica, fato que apresentou grande influência para os resultados até então obtidos pelos pesquisadores. O estudo revela, por exemplo, que 26,4% dos entrevistados são autônomos e 16% estão desempregados, o que impõe desafios para a proteção dos moradores durante a pandemia, visto que uma parte considerável da população saia frequentemente, apesar das recomendações de distanciamento social.

Durante a conversa, o professor José Guilherme Fernandes reitera também o importante papel exercido pelos cientistas em benefício da população e a preocupação com o manuseio das informações no meio político. “O pesquisador também é um agente político, e a gente tem que ter cuidado para que não esteja sendo manuseado por interesses políticos. Não que a ciência não seja política, mas ela tem que atender a maioria da população”, diz.

Para saber mais sobre a pandemia de Covid-19 no contexto de São Caetano de Odivelas, não perca esta edição do Universidade Multicampi.

Apresentação e roteiro: Fabrício Queiroz
Produção: Ana Rosa Batista
Gravação e montagem: João Nilo Ferreira
Supervisão e edição: Elissandra Batista e Fabrício Queiroz

O Universidade Multicampi vai ao ar às terças-feiras, às 10h e 21h.
Horários alternativos: Quinta-feira, às 15h; e Sábado, às 19h

Compatilhe !

Id:7547